domingo, 9 de setembro de 2012

SACRIFICIO - A UTILIZAÇÃO DOS ANIMAIS NO CANDOMBLÉ - PARTE II


Simbologia da utilização dos animais nos ebós 
Em Ose meji, Iyami fez um acordo com o Ifa de entregar seus filhos e os pássaros, para salvação da humanidade, em Owonrin, os quadrupdes tornaram-se objetos      de    sacrifícios e em irete meji substituíram aos seres humanos pelos animais para serem   sacrificados as divindades.
Os animais de maneira geral substituem vida à humana, (uma vida por outra), independentemente da virtude que possuem cada um: os mais habituais    para ebó são:


Os galos: para vencer situações, para a mulher contrair matrimônio, porque o galo representa o macho, é uma ave de batalha persistente.











A galinha : para o mesmo caso precedente mas para os homens, a galinha representa a femea.









As pombas; para ter filhos, casa, dinheiro e casamento, tendo em conta a capacidade que estas tem de reproduzir-se e fazer os seus ninhos. Proteção, dado que a pomba voa acima de muitos perigos.








O coelho; para ter filhos tendo em conta a sua capacidade reprodutora e escapar do falecimento ou a justiça pela faculdade de fugir e dissimulação deste animal.




O cabrito a cabra, o carneiro ou carneira; para saúde, dado que substituem o ser humano.











A galinha d’angola e a codorna:
Para problemas judiciais dado a facilidade que ambas
 tem de escapar de seus perseguidores











O porco: Reprodução,finanças, desenvolvimento, prosperidade geral, saúde..








O pintinho; para a abertura de orun, durante o nascimento, as iniciações e os itutu.







O pato: neutralizar o inimigo, provocar a falta de memória e manter-se alerta









O igbin: para pacificar, é o único   animal      que  não  é hostil com nenhum outro, o seu movimento  lento dá    uma sensação de regulamento, conforto e tranquilidade.









O ajapa: longa vida, casa, filhos, segurança, potência viril, proteção..







O peixe:para nutrir o ori, atrair  egum. Existem certos tipos de peixes, como por exemplo os peixes de lama e as sardinhas que têm uma grande vitalidade e uma capacidade de sobrevivência, mesmo sem água e do pargo que é o animal que faz a comunicação de ori com Olodumare.





O cão: sacrifícios diretos para fins saúde vitórias obtendo o favor do orisha ogun. Regulamento deste orisha.








O rato. Casamento, casa, dinheiro, gestação










Os lagartos; proteçao, das bruxarias malas.etc










O crocodilo: proteção geral, saúde, foi o único animal que Saponã, o Deus da varíola não pôde matar, etc...



Nenhum comentário: